Como fazer a melhor Gestão de custos para escritórios de advocacia?

Gerir os custos de um escritório de advocacia não é uma tarefa simples de ser feita. Isso exige dedicação e muita atenção aos detalhes.

Um pequeno erro pode provocar uma grande bola de neve, trazendo muitos prejuízos financeiros para sócios e funcionários. É por isso que aprender a fazer a gestão de custos é essencial para qualquer negócio.

Mas, o que fazer para melhorar essa gestão? E quais fatores precisam ser levados em consideração?

Para responder essas e outras questões, preparamos o post de hoje com informações que vão ajudá-lo a entender como fazer a melhor gestão de custos. Continue a leitura e saiba mais!

Identifique a sua situação

Antes de qualquer coisa, você precisa identificar qual é a real situação financeira do seu escritório. Não adianta gerenciar os custos se não se sabe para onde o dinheiro vai. Analise cada gasto com todos os setores — inclusive os menores e esporádicos que costumam ser negligenciados, embora sejam bastante relevantes. A partir do momento em que você tiver todas essas informações, será possível descobrir suas metas.

Monte um planejamento financeiro

Fazer um planejamento financeiro é algo que exige tempo e dedicação. Assim, não queira fazê-lo da noite para o dia. Para saber em que departamentos os gastos são maiores e em quais é necessário um maior investimento para fazer do seu escritório um local de sucesso é preciso construir um histórico de despesas confiável.

Envolva a equipe

Durante o planejamento, você deve traçar metas para cada membro da sua equipe. Determine, por exemplo, em quanto tempo um determinado valor deve ser cortado do orçamento e como isso pode ser feito. Além disso, peça a opinião de sócios e colaboradores, pois eles podem dar boas ideias.

Saiba como o dinheiro é gasto

Como citado, para fazer uma melhor gestão de custos do seu escritório, é necessário descobrir como o dinheiro é gasto. Para isso, você pode, por exemplo, averiguar se um cliente está saindo muito mais caro que o valor normal de mercado ou se as contas fixas, como luz, água e telefone, andam fora do padrão.

Quando feitos da maneira adequada, todos esses custos podem ser melhor gerenciados. Caso estejam se tornando empecilho para os lucros, podem, até mesmo, ser eliminados. Nesse sentido, é preciso saber exatamente o que vale a pena para a sustentabilidade do seu negócio.

Use a tecnologia

Hoje em dia, é possível contar com diversos softwares que ajudam na gestão dos escritórios de advocacia, e não estamos falando apenas de planilhas.

Fazer a gestão de custos com um programa automatizado fica bem mais fácil, pois você consegue guardar o histórico de tudo e cruzar alguns dados. Isso ajuda a identificar, por exemplo, qual área está afetando negativamente os lucros e não apresentando o retorno necessário.

Economize

Em um escritório de advocacia, se tem algo que nunca falta é papel. Cada processo tem várias páginas e alguns podem somar dezenas delas. Portanto, a redução no gasto de papel pode significar uma economia e tanto no final do mês.

Para resolver essa questão, você pode tomar atitudes simples como sempre imprimir na frente e no verso da folha ou começar a digitalizar os documentos e disponibilizá-los em um sistema em nuvem, dando acesso apenas aos funcionários autorizados.

Quer continuar melhorando a gestão de custos do seu escritório de advocacia e ainda ter acesso a mais dicas sobre assuntos relacionados? Então assine a nossa newsletter e receba todas as novidades em primeira mão!

 

Dê uma nota a este post!
[Nota média: 5]