Você sabe a diferença entre meios de prova e obtenção de provas?

A prova é importante em todos as demandas processuais, tendo em vista se tratar da apresentação inequívoca da verdade de um fato ou existência de um ato jurídico. Existem alguns conceitos que constituem a prova, que são os meios de prova e os meios de obtenção de prova que, apesar de serem termos parecidos, não são iguais e podem acabar confundindo muitos advogados.

Conhecer essa diferença é essencial, já que um erro pode comprometer o ato processual, além de ser imprescindível que um bom profissional saiba quando empregá-los.

Pensando nisso, elaboramos este post para mostrar as principais diferenças entre meios de prova e meios de obtenção de provas. Confira!

O que é o ato de prova?

Antes de tudo, é necessário que você entenda o que é o ato de provar. Trata-se da ação que faz parte da rotina de qualquer empregado, tendo em vista ser o processo pelo qual se averígua a realidade ou verdade de um fato afirmado pela parte no processo.

O que são meios de prova?

Os meios de prova são as formas usadas pelas partes no processo com o intuito de convencer o juiz. Eles servem como um conector entre as provas e a demanda judicial. Entre os meios de prova mais utilizados podemos citar documental, testemunhal e pericial.

Dessa forma, os meios de provas podem ser vistos como uma prova em si, produzida para embasar o fato indagado pelos integrantes do processo, seja ele acusação, seja defesa, que buscam persuadir o magistrado da história produzida por cada um.

O que são meios de obtenção de prova?

Os meios de obtenção de prova são instrumentos usados pelas autoridades judiciárias com a finalidade de investigar e recolher os meios de prova. O objetivo é obter a prova em si. Assim, não são aplicados para o convencimento do juiz, tendo em vista ser apenas um caminho para se chegar à prova.

Então, é possível afirmar que os meios de obtenção de prova só serão uteis para o convencimento do magistrado, caso o resultado do ato seja relevante para o processo e tenha relação com os fatos alegados pelas partes.

Qual é a principal diferença entre os meios de prova e os meios de obtenção de prova?

A principal diferença entre esses dois conceitos está no fato de que o meio de prova corresponde à prova em si, servindo como forma de convencer o magistrado para ser usada na decisão. Por outro lado, os meios de obtenção de provas são o procedimento realizado para chegar até elas.

Conseguiu entender melhor o que são meios de prova e meios de obtenção de prova? Esses conceitos são fundamentais ao longo de uma demanda, tendo em vista que constituem todos os fatos relevantes para que o juiz consiga dar a sentença mais correta possível.

Gostou deste conteúdo? Então, aproveite sua visita ao blog para adquirir mais conhecimento sobre a importância da arte da negociação na advocacia!