Quais são os agentes da governança corporativa?

Escutar o texto
Voiced by Amazon Polly

A governança corporativa é basicamente um conjunto das melhores práticas para gerenciar uma empresa. Trata-se da gestão na qual envolve, direta e indiretamente, diretoria, acionistas e órgãos de fiscalização. Ou seja, os agentes da governança corporativa.

Essa prática tem sido fundamental ao ser responsável por garantir aos sócios, investidores e demais indivíduos uma boa gestão, eficiência e transparência nas estratégias da gerência empresarial.

Neste post, vamos esclarecer o conceito, os agentes e princípios da governança corporativa. Continue com a gente e boa leitura!

O que é Governança Corporativa?

Para que você entenda o que é governança corporativa, nada melhor do que a definição do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), na qual conceitua como: “um sistema pelo qual as empresas e demais organizações são dirigidas, monitoradas e incentivadas, envolvendo os relacionamentos entre sócios, conselho de administração, diretoria, órgãos de fiscalização e controle e demais partes interessadas”.

Em outras palavras, a governança corporativa é um recurso que traduz os valores e princípios de uma organização em práticas que têm um impacto positivo na gestão da empresa.

Quem são os agentes da Governança Corporativa?

A governança corporativa não é função de apenas uma pessoa, mas é um sistema colaborativo, criado a partir da interação da empresa, seus princípios e seus agentes, portanto, é necessário que seja composto com diversidade, aumentando sua atuação.

Conselho Consultivo

O conselho consultivo é um órgão temporário composto por um grupo de indivíduos confiáveis de diferentes tipos de formação, que se junta para discutir os temas relacionados à governança e definir as políticas que necessitam ser desenvolvidas com o intuito de mitigar riscos.

Pode ser constituído por conselheiros:

  • internos: pertencem ao quadro de funcionários ou da administração;
  • externos: fazem parte do grupo dos stakeholders, porém não atuam diretamente dentro da empresa;
  • independentes: não têm relação com a empresa, com os sócios e nem interesse no desempenho da organização.

Conselho de Administração

Seu papel é ser o elo entre a gestão e os sócios. É a entidade responsável por garantir a manutenção e o cumprimento do sistema de governança da empresa e tudo aquilo que ele representa, como seus princípios e valores.

Conselho Fiscal

Da mesma forma que o conselho administrativo, o conselho fiscal é responsável por fiscalizar o cumprimento das obrigações estatutárias e os atos da administração. Seu funcionamento é temporário e pode ser convocado conforme as necessidades da empresa.

Quais são os princípios básicos da Governança Corporativa?

A governança corporativa é baseada em 4 princípios que devem ser seguidos em todas as práticas adotadas pela companhia e têm como objetivo aumentar a confiança externa e interna da empresa. Veja a seguir quais são.

Transparência

Trata da disponibilização das informações internas aos indivíduos interessados. Não apenas as necessárias, mas todas que forem relevantes.

Equidade

Todas as partes, independentemente do nível de participação na empresa ou do cargo que ocupam, devem ser tratadas de forma equânime e justa.

Prestação de contas de responsabilidade corporativa

Os agentes de governança corporativa devem prestar contas de sua atuação de forma concisa, clara, tempestiva e compreensível, assumindo as consequências de seus atos e atuando com responsabilidade e diligência no âmbito dos seus papéis.

Responsabilidade Corporativa

Deve existir zelo por todo o ambiente em que a companhia está incluída. Isso engloba responsabilidade ambiental, financeira, forma de tratamento com os profissionais, e qualquer outro dos mais variados capitais da empresa.

Podemos perceber na leitura deste conteúdo a importância de uma gestão que visa o crescimento sustentável de uma empresa e que garante sua integridade ao longo dos anos. Nesse sentido, os princípios e os agentes da governança corporativa são fundamentais.

Agora o que acha de conferir dicas de oportunidades profissionais na área de governança corporativa? Confira!

Leia também alguns outros posts disponíveis sobre o assunto:

E-book - Governança, risco e compliance: o guia completo

Previous articleCompliance e código de conduta: da consultoria à implantação
Next articlePalestra “Compliance nas franquias”
A equipe de Redação é formada por profissionais especializados em redação, marketing, finanças, empreendedorismo, administração e gestão. Estes profissionais são os responsáveis por criar conteúdo informativo e que ajudam a inovar e resolver problemas do mercado.