Futuro da advocacia: saiba o que esperar e como se preparar

Os avanços tecnológicos têm atingido praticamente todas as áreas do mercado. Por isso, ter uma visão geral a respeitos das perspectivas e previsões para o futuro da advocacia é essencial para estar por dentro das novas exigências, manter-se competitivo e conquistar um lugar de destaque na carreira.

Vários aspectos e forma de atendimento às demandas estão surgindo, o que faz com que seja imprescindível conhecer as principais mudanças, tendências e se preparar para implementar as ferramentas mais adequadas para o seu escritório. Quer saber mais sobre o assunto? Acompanhe!

1 – Quais são as expectativas do mercado para o futuro da advocacia?

Com o estabelecimento da era digital e a chegada de jovens advogados no ramo, a modernização no meio vai acelerar de forma relevante, trazendo consigo a criação de diversos sistemas e aplicativos que vão mudar o rumo da execução dos serviços jurídicos nos próximos anos.

Como consequência, os profissionais buscarão se atualizar e se qualificar para que possam estar adequados a essas novidades, bem como às demandas da clientela.

Conheça mais sobre Advocacia 4.0.

2 – Quais são as tendências para os próximos anos?

Vários recursos foram criados para tornar a rotina dos advogados mais fácil e prática. Veja abaixo quais são eles.

2.1 – Chatbots

Um atendimento com rapidez é primordial para um escritório de advocacia.

Para isso, contar com o auxílio dos chatbots (softwares de comunicação automatizada que respondem às mais variadas perguntas online e interagem com os clientes) pode ser uma boa ideia.

Eles podem garantir que o primeiro contato com um possível cliente seja fluido e assertivo — e sem usar capital humano de seu escritório nessa conversa.

2.2 – Marketing digital

A popularização das redes sociais fez com que ela se tornasse uma grande aliada nas ações de publicidade realizadas pelos advogados na divulgação dos seus serviços.

Uma maneira de se utilizar desse meio é por meio das ações de marketing digital, produzindo e disseminando conteúdos de qualidade, bem como notícias e novidades da área e demais assuntos importantes, atingindo um número maior de pessoas.

No entanto, é importante tomar certos cuidados e conhecer as restrições impostas pelas normas de ética da OAB para não correr o risco de infringi-las. 

O ideal é a criação de um site para o escritório, em que será possível produzir materiais com temas diversificados, propiciando uma audiência maior e, consequentemente, maiores probabilidades de gerar novos clientes.

Saiba mais sobre Marketing Digital para a Advocacia.

2.3 – Machine learning

A aplicação do machine learning, em que análises de dados são feitas de modo cada vez mais independente da ação humana, pode ser fundamental para o êxito de seu escritório de advocacia.

Por meio dos sistemas de machine learning, por exemplo, é possível reduzir  o tempo gasto em pesquisas para a elaboração de petições, já que essa ferramenta consegue reunir automaticamente vários materiais necessários para a elaboração de peças — e até mesmo sugerir algumas decisões mais adequadas.

4 – Como se preparar para o futuro da advocacia?

Algumas práticas devem ser adotadas para que você e seu escritório estejam preparados e qualificados para o futuro que a advocacia espera. Conheça algumas delas:

  • busque por uma rotina flexível: é interessante utilizar aplicativos que podem ser instalados no seu computador ou smartphone (como processo eletrônico, Vade Mecum, mensagens instantâneas), facilitando a vida do advogado multitarefa e tornando o dia a dia menos burocrático;
  • implemente práticas de outras áreas: práticas como a promoção do marketing pessoal incentivam a evolução do negócio, além de estimular a maturidade profissional dos advogados;
  • invista na coletivização do conhecimento: seja por compartilhamento com os clientes, por meio dos blogs e fórum de dúvidas ou com parceiros e outros advogados, por meio de podcast sobre a rotina de um advogado ou conteúdos exclusivos;
  • participe de eventos: reuniões e palestras promovem conversas sobre o presente e o futuro da advocacia e o entendimento de quais são as principais expectativas desse momento.

Conheça um pouco sobre Direito Digital.

É importante elaborar um novo modelo de trabalho para estar preparado para o futuro da advocacia.

5 – Faça um Mestrado

Muitas pessoas acham que mestrado é dar aulas e nem sempre isso é verdade. Claro, o egresso de um mestrado está mais preparado para ensinar porque ele desenvolveu-se por mais tempo e adquiriu conhecimento técnico avançada em nível de mestrado.

No entanto, o mestrado tem utilidade além das aulas. Obviamente, você sabe que pós-graduação lato sensu não é diferencial e todos possuem, bem como o nível de conhecimento é parecido com o nível de discussão em graduação.

Um mestrado de excelência tem discussão mais avançada e conhecimento aprofundado que transformará você é profissional de destaque. Certamente, um mestrado em direito é um diferencial competitivo.

6 – Pense fora do mundo de direito público ou privado

Ampliei seu conhecimento jurídico para questões mais complexas como Compliance, Solução de Conflitos, Gestão e Governança Corporativa.

6.1 – Formação e conhecimento em Compliance

Compliance é uma que tem atraído profissionais de contabilidade, administração, economia, engenharias e direito e tem demanda crescente no mundo inteiro.

Investir em pós-graduação ou Mestrado em Compliance é um grande diferencial que amplia as possibilidades de atuação presente e futuro.

Não importa se é nos Estados Unidos, Canadá, Inglaterra ou Dinamarca, os profissionais de Compliance estão cada dia mais requisitados em função de regulações e complexidade de integração do mundo dos negócios.

7 – O conhecimento avançando será imprescindível

O mundo digital está eliminando a advocacia de repetição. Os profissionais realmente preparados e com conhecimento avançado terão muito mais trabalho e poderão crescer profissionalmente e os que atuam somente com ações repetidas e sem individualizações, sem teses jurídicas, sem adaptações perderão espaço para as Legal Tech e Law Tech.

Invista em conhecimento aprofundado e destaque das pessoas que possuem somente informações e conhecimento raso. O conhecimento avançado é o maior diferencial competitivo.

Considere essas tendências e desenvolva competências comportamentais. Assim, você conseguirá estabelecer um percurso mais fluido nos próximos anos, com base na inovação e nas facilidades disponíveis no mercado, conseguindo se manter competitivo.

Gostou deste post? Então, aproveite sua visita para ler dicas de 7 aplicativos para advogados que você precisa conhecer!

Gestão de Escritório de Advocacia